Criola

Destaque | Notícias | Projetos - 08/out/2020

Ações para minimizar os impactos da crise: Conheça os resultados do Agora é a Hora

Com o Agora é a hora, dezenas de mulheres negras do estado do Rio lideraram ações que garantiram alimentos e acesso a direitos com o cadastramento no auxílio emergencial. Foram mais de 6000 pessoas alcançadas pelo projeto. Uma iniciativa conjunta entre dezenas de lideranças comunitárias, em articulação com o Instituto Marielle Franco, Perifa Connection e Movimenta Caxias.

Com a situação de pandemia, as desigualdades sociais acometidas as populações negras se tornaram indisfarçáveis, uma vez que é a população negra que: mais adoece e morre; enfrenta no cotidiano o desmantelamento das políticas públicas sociais; é o segmento mais afetado com a redução/interrupção de renda pelo distanciamento social (como no caso das(os) trabalhadoras(es) domésticos sem carteira assinada) e o mais atingido pelo desemprego (PNAD-COVID-19, 2020).

Compreendendo o desafio deste cenário, diante da precariedade e vulnerabilidade a que estão expostas as mulheres negras, e a ausência de resposta governamental à situação de pandemia, Criola deu início à mobilização e articulação de lideranças comunitárias, de ativistas de diferentes campos de lutas, de parceiras(os) de trabalho de diferentes localidades do Rio de Janeiro para uma ação política voltada à garantia de direitos das mulheres negras e de suas famílias.

O resultado desta atuação direta das lideranças em seus territórios resultou numa ação coletiva presente em 10 municípios do estado do RJ e mais de 570 territórios. O município com o maior cadastramento de pessoas foi Duque de Caxias (48%), seguido pelo Rio de Janeiro (27,8%), Nova Iguaçu (5,2%), São João de Meriti (5,2%) e Belford Roxo (4,9%). Entre o público beneficiado, 88,7% das pessoas alcançadas são negras. Totalizando mais de 6.000 pessoas beneficiadas pela inciativa.

Todo este resultado foi protagonizado pelo trabalho de mulheres negras, lideranças comunitárias, nestes territórios. O perfil de atuação destas lideranças e suas perspectivas ativistas estão registradas numa série de materiais produzidos ao longo do proejo nos formatos de vídeos, entrevistas e podcasts. Acesse a página da iniciativa e conheça o perfil das mulheres negras que estão na linha de frente para o enfretamento da pandemia.

E conheça os resultados completas e mais informações sobre o projeto Agora é a Hora no site: www.agoraeahora.org