Criola

Destaque | Notícias - 17/dez/2020

Lúcia Xavier recebe hoje Prêmio Emerj de Direitos Humanos

Lúcia Xavier será agraciada, hoje, dia 17 de dezembro, com o I Prêmio Emerj Direitos Humanos, concedido pela Escola de Magistratura do Estado do Rio de Janeiro. A condecoração é inédita e expressa reconhecimento e gratidão àqueles que se destacaram, no ano de 2020, pela defesa dos Direitos Humanos.

Coordenadora geral de Criola, Lúcia ilustra uma trajetória célebre na defesa dos direitos das mulheres negras e na promoção dos direitos humanos. O prêmio demarca um momento importante na sociedade, sobre a violação dos direitos das mulheres no campo político, os excessivos casos de extrema violência com a população negra e o crescimento das desigualdades sociais sob os efeitos da pandemia da Covid-19.

No I Prêmio Emerj Direitos Humanos, magistrados, pesquisadores, professores, mestres e doutores que contribuem para a eliminação definitiva das violações dos direitos humanos serão agraciados. Pessoas que dedicam a vida à luta pela dignidade e cidadania.

São eles(as): ministro Carlos Ayres Britto (Aposentado – STF), desembargadora Cristina Tereza Gaulia, desembargador Caetano Ernesto da Fonseca Costa, juíza Adriana Ramos de Mello, juíza Maria Aglaé Tedesco Vilardo, professora Alessandra Rapacci Mascarenhas Prado, professora Déborah Prates, assistente social Lúcia Maria Xavier de Castro, professora Maria Helena Barros de Oliveira, advogada Giowana Cambrone, e a advogada Flávia Cristina Piovesan.

A solenidade virtual acontecerá hoje, dia 17 de dezembro, às 17h, com transmissão ao vivo pelo Youtube da Emerj.