Criola

Notícias - 28/jan/2021

Não seremos interrompidas!

Na madrugada da última terça-feira (26), @acarolinaiara, covereadora da Bancada Feminista do PSOL, de São Paulo, mulher negra, intersexo e travesti, foi vítima de um atentado, quando dispararam contra a sua casa duas vezes.
Esse não é um caso isolado, mas não podemos ficar caladas diante de mais um episódio estarrecedor de violência política, uma prática agravada durante o último ano eleitoral, tendo como vítimas principais as mulheres negras.
Por conta desse ato gravíssimo, Criola se soma ao Instituto Marielle Franco, Justiça Global, Terra de Direitos e Antra Brasil, na ação NÃO SEREMOS INTERROMPIDAS! Mais uma iniciativa em prol da garantia de direitos das mulheres, cis e trans, defensoras dos direitos humanos.
Vamos mostrar às autoridades que Carol não está sozinha e que somos muitas pessoas exigindo que ela receba proteção. Pressione as autoridades de São Paulo para que investiguem o caso e garantam proteção adequada a Carol.
Acesse www.naoseremosinterrompidas.org , saiba mais sobre o caso e manifeste seu apoio.