Criola

Notícias - 06/dez/2021

Themis e Criola lançam o e-book “Cuidado e Segurança de Ativistas e Organizações Defensoras de Direitos Humanos”

Publicação, que integra campanha “Elas lutam por nós. Nós lutamos por elas”, apresenta perfil de seis ativistas e suas relações com práticas de proteção, cuidado e segurança

A Themis e Criola lançam nesta segunda-feira (6/12) o e-book “Cuidado e Segurança de Ativistas e Organizações Defensoras de Direitos Humanos”. A publicação narra a história de seis defensoras de direitos humanos, criadas com base em fragmentos de relatos de ativistas que participaram do projeto de ambas organizações desenvolvido entre 2018 e 2019, e está disponível neste link.

A publicação relaciona o atual cenário de ruptura democrática no Brasil com o desmonte de políticas públicas sociais estruturantes e o início da flexibilização de direitos e garantias constitucionalmente estabelecidas. Neste cenário, as mulheres são as mais vulneráveis frente às violências e violações de direitos ligadas às suas práticas políticas na defesa de direitos humanos, submetidas a múltiplas formas de opressões, riscos e ameaças que se agravam quando consideradas as dimensões de raça, gênero, faixa etária e território.

Por meio do perfil de Juliana, Carla, Sabina, Viviane, Yesmari e Maria, é possível entender as multiplicidades de estratégias possíveis e necessárias para o enfrentamento do conjunto de riscos e situações vividas por mulheres que lutam e defendem direitos humanos. Da mesma forma, destaca-se a importância da ampliação de aspectos da proteção, cuidado e segurança no cotidiano de atuação política das defensoras e seus coletivos e organizações.

O e-book conta ainda com um pequeno guia de apoio com informações sobre recursos governamentais, não governamentais e organismos internacionais que podem ser acessados pelas Defensoras.

A iniciativa integra a campanha “Elas lutam por nós. Nós lutamos por elas”, lançada pelas organizações para marcar o Dia Internacional das Mulheres Defensoras de Direitos Humanos (29/11) e os 21 dias de ativismo pelo fim da violência contra as mulheres.

A campanha segue até o dia 8 de dezembro, quando completará 1 ano sem Jane Beatriz da Silva Nunes, Promotora Legal Popular formada pela Themis, incansável Defensora dos direitos das mulheres de sua comunidade, morta durante abordagem policial em sua casa na Vila Cruzeiro, em Porto Alegre.

A campanha “Elas lutam por nós. Nós lutamos por elas” foi produzida com apoio pro bono da Agência Escala.

 

Sobre Criola

Criola é uma organização da sociedade civil com 29 anos de trajetória na defesa e promoção dos direitos das mulheres negras e na construção de uma sociedade onde os valores de justiça, equidade e solidariedade são fundamentais. Nesse percurso, Criola reafirma que a ação transformadora das mulheres negras cis e trans é essencial para o Bem Viver de toda a sociedade brasileira.

 

Sobre Themis

A Themis é uma organização feminista, antirracista, fundada em 1993. Sua atuação está focada na ampliação do acesso à justiça para mulheres e meninas. Através do seu programa de empoderamento legal, forma mulheres lideranças comunitárias para atuação em seus territórios no acompanhamento de casos de violência contra as mulheres. A metodologia de formação de Promotoras Legais Populares está presente em mais de 11 estados brasileiros e é uma ferramenta de apoio comunitário.